Home Seguro Viagem EUA passam a exigir seguro médico dos imigrantes

EUA passam a exigir seguro médico dos imigrantes

10
1418

Já falamos aqui algumas vezes que o sistema de saúde dos Estados Unidos é um dos mais caros do mundo. Os gastos médicos e hospitalares no país são tão exorbitantes que geram preocupação até mesmo no próprio governo.

Prova disso é o anúncio recente de que o destino pretende barrar a entrada de imigrantes que não possuam seguro médico ou sejam incapazes de pagar suas despesas de saúde. Esse tipo de medida serve para evitar rombos no sistema de saúde do país.

E se eu for viajar a turismo?

Quem pretende viajar em breve para os Estados Unidos pode pensar que esta notícia não lhe diz respeito, já que a medida afeta apenas imigrantes, e não turistas.

De fato, o país ainda não exige seguro viagem dos estrangeiros que estejam em seu território temporariamente.

No entanto, o anúncio serve de alerta para a importância de contratar um seguro viagem para curtir férias no destino sem perrengues. É extremamente recomendado contar com um seguro de coberturas completas e de alto valor para casos de emergências médicas, já que uma simples consulta em hospital pode chegar a US$ 2 mil. Isso significa que até um resfriado comum pode gerar dívidas altíssimas, deixando uma família inteira no vermelho e fazendo com que a viagem seja bem menos divertida.

Próximos passos

Além disso, por mais que a nova medida vise o controle da entrada de pessoas que pretendem residir nos Estados Unidos, este é um sinal de que o governo americano está pensando no ônus que estrangeiros podem gerar para suas contas.

É possível que planejem aprofundar ainda mais medidas do tipo, e pedir um seguro viagem de seus turistas seria provavelmente o próximo passo, já que o destino recebe mais de 75 milhões de viajantes estrangeiros anualmente.

Por isso, se for conhecer para algum destino americano, lembre-se de viajar protegido. Faça uma cotação agora!

10 COMMENTS

Comments are closed.