15/01/2019

72 horas na Cidade do Cabo

Parques incríveis, lindas praias e maravilhas da natureza são os principais atrativos da Cidade do Cabo, a capital legislativa da África do Sul. Há muito o que fazer por lá, mas se você tiver pouco tempo, fique ligado em nosso roteiro de três dias neste destino encantador.

Dia 1
Comece com a principal atração da cidade: Table Mountain, com seus 1.000 metros de altitude e 3 quilômetros de extensão. É possível chegar ao topo por suas trilhas ou em um teleférico panorâmico. A segunda opção é a mais rápida, mas o teleférico não funciona em dias de vento, então acaba tendo fila nos dias de sol. O melhor é comprar o ingresso antecipadamente.

Lá em cima, há muitas trilhas e mirantes, cada um com uma vista mais bonita que a outra, além de muita natureza incrível. As trilhas são asfaltadas, e por isso, acessíveis a todos.

Na parte da tarde, conheça Clifton, bairro da elite da cidade. Ele tem praias animadas, com muita gente bonita e surfistas. Se preferir, você pode ir direto para Camps Bay, que fica na mesma região e é uma das praias mais famosas da Cidade do Cabo. Ela tem água transparente, diversos restaurantes e ainda é um excelente lugar para ver os Doze Apóstolos e a Lion’s Head, formações rochosas que ficam nas montanhas.

Dia 2
Aproveite o segundo dia para explorar o famoso Cabo da Boa Esperança, que você deve reconhecer ao menos por nome das aulas de história da escola, pois foi um ponto importante na jornada dos navegadores portugueses em busca da Índia. Este parque natural à beira-mar tem um farol que garante uma vista incrível para o entorno, vegetação exuberante e uma placa célebre, em que todos param para tirar uma foto.

Como o Cabo da Boa Esperança é mais distante do centro da cidade e há muito o que ver por lá, o passeio acaba levando um dia inteiro. Para encerrar, vá ao Waterfront à noite, a área portuária e turística da cidade, onde há restaurantes, shoppings, feiras de artesanato e muito mais.

Dia 3
No último dia, há várias opções do que fazer. No centro da cidade, estão o Castelo da Boa Esperança, a Catedral de São Jorge, o Aquário Dois Oceanos e o Planetário. Todos são atrações excelentes, e cabe a você decidir qual delas te interessa e quanto tempo gastar em cada uma delas. Ficam próximas uma das outras, então não é preciso percorrer grandes distâncias entre elas.

Se houver tempo, você pode escolher entre os três passeios a seguir: visitar a Ilha das Focas, onde se pode ver de perto uma infinidade de focas tomando sol e se jogando na água (chega-se lá em 20 minutos de barco a partir de Hout Bay); a segunda opção é conhecer a Robben Island, ilha que serviu como prisão durante anos, inclusive para Nelson Mandela (os passeios partem do Waterfront); por fim, a última opção é para os mais aventureiros. O mar da África do Sul tem muitos tubarões, principalmente tubarões-brancos, e por lá rolam os mergulhos em gaiolas para observá-los de pertinho.